Jovem de Guareí é contemplado no programa “Investindo na Vida” da Sociedade São Vicente de Paulo (SSVP)

Um jovem assistido pela Conferência São Mateus dos Vicentinos da Paróquia São João Batista de Guareí foi contemplado no “Projeto Investindo na Vida”, um programa da Sociedade São Vicente de Paulo .

A Sociedade de São Vicente de Paulo no Brasil através do projeto oferece bolsas de estudos para seus assistidos que serão acompanhados pelos Confrades ou Consócias das Conferências locais. Neste ano quatro assistidos foram contemplados, sendo das seguintes cidades:  Juiz de Fora (MG), São Gonçalo (RJ), Maringá (PR) e Guareí (SP).

Bendizemos a Deus pelo apostolado frutuoso da conferência de nossa Paróquia que no próximo mês completa seus 30 anos, que Deus abençoe aqueles que servem a Deus através dos irmãos e aqueles que fazem suas doações”, comenta Padre Lucas.

Sobre o projeto

O objetivo do programa é buscar a promoção dos Pobres. “Muito mais do que prestar a assistência emergencial, é preciso promover, capacitar, dar condições para que eles possam se tornar protagonistas de suas próprias vidas. O ‘Investindo na Vida’ é o novo projeto do CNB, que vai contempla, jovens ou não, que têm o sonho de fazer uma faculdade ou um curso técnico, de se profissionalizar. É como o próprio nome do projeto diz, investindo na vida dos assistidos para levar sonhos, esperança, a mudança de estrutura que eles tanto precisam. É fazer o que a SSVP faz de melhor, que é ajudar as pessoas”, explica o 4ª Vice-presidente do CNB, confrade Mário Lucas de Brito Junior.

Cada pessoa contemplada irá receber, até o final do curso, o valor de R$ 15 mil anuais para custear o estudo. “Fizemos uma pesquisa e quase todos os cursos podem ser custeados com essa ajuda. Caso seja mais caro, a pessoa ainda poderá pleitear uma bolsa dentro da instituição de ensino. Dentro desse valor, também poderá ser incluído o transporte, porque muitas vezes a pessoa tem a vaga, mas não tem como chegar ao local. O edital deve sair no dia 1º de maio para que a seleção ocorra logo. Nosso objetivo é que essas pessoas contempladas possam começar seus estudos ainda no segundo semestre deste ano. Por isso, cada vicentino já pode ir conversando com as famílias assistidas e ir conhecendo os sonhos dela para quando o edital sair, fazer a inscrição”, finaliza.

O presidente do CNB, confrade Márcio José da Silva, lembra que Ozanam iniciou a caminhada da SSVP levando um feixe de lenha para os assistidos da época.  “Anos se passaram e hoje levamos a cesta de alimentos, remédios, roupas, móveis entre tantas outras coisas. Mas o tempo passou novamente e claro a cesta de alimentos é muito importante para a família que precisa de ajuda, mas, muito mais que isso precisamos investir nestas famílias para tirá-las do estado de vulnerabilidade que elas se encontram. Mas isso é muito simples, é somente investirmos nelas o que é delas, pois tudo o que tem na SSVP é dos Pobres e neles devem ser aplicados. O Projeto ‘Investindo na Vida vem para motivar nossas unidades a desenvolver projetos parecidos, investindo na vida de nossos assistidos para que eles próprios sejam protagonistas da vida deles”, resume.

“O projeto tem o intuito de investir na formação acadêmica de nossos assistidos para podermos em algum momento quebrar o ciclo que hoje temos em várias unidades, aquele mesmo que todos nós conhecemos de atender o pai, a mãe, logo depois os filhos e muitos até os netos. Quantas e quantas vezes ouvi pessoas se vangloriando que atendem aquela família há 10, 15, 20 anos. Isso não é para comemorar e sim ficar preocupado, pois nosso trabalho é promover a família e não criar um ciclo de dependência, quando isso acontece é porque não conseguimos realizar nosso trabalho a contento. Então, meus caros vicentinos, vamos promover nossos Pobres, vamos fazê-los protagonistas da própria vida”, conclama o presidente do CNB.