Rádio Conexão Católica

PAPA: CARDEAL COPPA, HOMEM ESTIMADO DA IGREJA

O Papa Francisco enviou um telegrama de pesar, nesta terça-feira (17/05), ao Decano do Colégio Cardinalício, Cardeal Angelo Sodano, pelo falecimento do Cardeal Giovanni Coppa.

“Um homem estimado da Igreja que viveu com fidelidade o seu longo e fecundo sacerdócio e episcopado a serviço do Evangelho e da Santa Sé”, escreve o Papa na nota.

O Cardeal Coppa “testemunhou sabedoria pastoral e atenção zelosa às necessidades dos outros, indo ao encontro de todos com bondade e mansidão”, frisa ainda Francisco no telegrama.

O purpurado italiano faleceu nesta segunda-feira (16/05), em Roma, aos 90 anos, na Casa de Repouso Vila Luísa. As suas exéquias serão celebradas nesta quarta-feira (18/05), na Basílica de São Pedro, pelo Cardeal Sodano. No final da cerimônia, o Papa Francisco irá à basílica vaticana para presidir o rito de encomendação e despedida.

O Cardeal Coppa nasceu em Alba, Piemonte, em 1926. Foi ordenado Sacerdote em 1949. Em 1952, iniciou seu serviço na Santa Sé, na Chancelaria Apostólica. Em 1958, foi transferido para a Secretaria de Estado e alguns anos depois participou, como latinista, dos trabalhos do Concílio Vaticano II.

Foi consagrado Bispo por São João Paulo II, em 6 de janeiro de 1980. Dez anos mais tarde, foi enviado como Núncio Apostólico na então Tchecoslováquia.

Bento XVI o criou Cardeal no Consistório de 24 de novembro de 2007. O purpurado transcorreu os últimos anos de sua vida no Vaticano.

Com o falecimento do Cardeal Coppa, o Colégio cardinalício é composto agora de 214 cardeais, dos quais 114 eleitores e 100 não eleitores.