PASTORAL FAMILIAR DIOCESANA PARTICIPA DE 5º SIMPÓSIO NACIONAL

A Pastoral Familiar Diocesana participou no último sábado (30), em Aparecida, do 5º Simpósio Nacional da Família e 7ª Peregrinação. O tema do encontro foi “O amor é a nossa missão: a família plenamente vivia”. Estiveram presentes no local, Nelci e Rose, casal diocesano de Itapetininga. Mais de 2 mil pessoas se reuniram no Centro de Eventos Pe. Vitor Coelho para assistir às palestras.

Nelci Motta (no centro da imagem), coordenador diocesano da Pastoral Familiar
Nelci Motta (à esquerda, em pé), coordenador diocesano da Pastoral Familiar

O Simpósio teve como objetivo refletir a missão que a família tem para viver como Igreja e anunciar o Evangelho. Dom João Bosco, novo presidente da Comissão Episcopal para a Vida ea  Família, ressaltou em seu discurso que é necessário que a Pastoral deixe de “ser um grupinho” e passe a acompanhar tudo que envolve o tema família em outras pastorais. “Há necessidade de integração da pastoral familiar com as outras pastorais”, disse.

Em sua mensagem, Dom João Carlos Petrini – Bispo de Camaçari (BA) e antecessor de Dom João Bosco, frisou: “o mundo está em crise e o amor é a solução. A humanidade passa por uma transformação e corre-se o risco de perdermos valores importantes. A família passa por uma crise humana, mas nós não somos parte dessa crise, somos parte da solução; na medida em que abraçamos a graça que Deus nos deu de viver o amor, o amor humano como doação de si mesmo para o bem e a felicidade dos outros”.

Os casais da Pastoral assistiram, no total, a quatro pregações com os seguintes temas: “Anunciar o Evangelho na família”, “Discípulos de Jesus”; “Curar as feridas na família” e, “Acolher a vida e educar no amor”. À tarde, alguns casais deram testemunhos, rezou-se o santo terço e aconteceu a procissão luminosa.