Rádio Conexão Católica

SEGUNDA PORTA SANTA É ABERTA EM ITAPETININGA

O Santuário Nossa Senhora Aparecida do Sul teve sua Porta Santa da Misericórdia aberta por Dom Gorgônio na última quarta-feira, dia 23. A solenidade iniciou na praça Nossa Senhora Aparecida, em frente ao Santuário, e contou com a presença dos paroquianos, dos diáconos do Santuário, do Pe. Reinaldo Machado Ramos e demais convidados. Antes da abertura da Porta, foi proclamado o Evangelho, um salmo e um trecho da bula Misericordae Vultus. Todas as leituras refletiam sobre a misericórdia divina.

Na sequência, Dom Gorgônio foi à frente da procissão de entrada até a Porta Santa. Ele aspergiu água benta e a incensou. Local por onde todos adentraram para participar da Santa Missa. O Santuário ficou lotado para a celebração.

Confira em nossa galeria de fotos como foi a abertura da Porta Santa do Santuário.

PortaSantaSantuárioAparecidaSul-fotoWilliamFurtado (22)Em sua homilia, o Bispo falou sobre a comemoração dos 50 anos do Concílio Vaticano II e da importância daquele momento para a Igreja. “Aquele foi o sinal de Deus que a Igreja precisava para reavivar seu corpo, o corpo de Cristo, o povo de Deus. Ali reencontramos nossa identidade, nossa missão. E que possamos, viver a cada dia, o mesmo Espírito que soprou no Concílio”, destacou.

Dom Gorgônio também abordou o Ano Santo da Misericórdia e exortou os fieis a se reconciliar com Deus por meio do perdão e da misericórdia. “Deus nos alcançou por meio de Cristo Jesus. De Belém ao calvário, Cristo manifestou seu amor para que n’Ele pudéssemos acolher a vida nova”, ressaltou. Ele afirmou ainda que, “o mundo vive atualmente o pecado da indiferença com o sofrimento do próximo e que, devemos ser a expressão da misericórdia de Deus para o outro, acolhendo e vivendo em harmonia, sem brigas ou vingança”.

Ao concluir a homilia, Dom Gorgônio convidou a todos a praticar as obras de misericórdia corporais e espirituais.

Foto: Diocese de Itapetininga/William Furtado