700 jovens participam da Jornada Diocesana da Juventude neste domingo

700 jovens, vindos de cidades de toda a nossa diocese, estiveram em Itapetininga (SP) neste domingo (5/08) para participar da 1ª Jornada Diocesana da Juventude (JDJ). Com início às 8h, na Paróquia Nossa Senhora das Estrelas, os participantes assistiram à catequese dos “Jovens Sarados” (Canção Nova) que falou sobre o “Jovem, Fé e o discernimento vocacional”, tema do Sínodo dos Bispos. Após a palestra, os jovens foram convidados a se dirigir ao Colégio Imaculada Conceição (“Colégio das Irmãs Beneditinas”).

Dom Gorgônio presidiu a Santa Missa que foi concelebrada pelo assessor da Pastoral Vocacional e reitor do Seminário Diocesano São João Paulo II, Pe. Marco Antonio Custódio, pelo pároco da Paróquia São João Batista (Guareí), Pe. Narciso de Jesus Iori e, contou com a presença dos neo-Diáconos Jean Michel de Oliveira Campos e Rofolfo Rodrigues. O pároco da Paróquia Nossa Senhora da Estrelas, Pe. Julio Ferreira de Campos, também esteve presente na Jornada.

Logo após a Missa, Dom Gorgônio e a juventude presente na Jornada (foto: Setor Juventude)

Para o coordenador da Pastoral Vocacional do Seminário Diocesano, seminarista Ivan Soares, “a JDJ apresentou de diferentes maneiras a possibilidade dos diversos estados de vida para se alcançar o céu, pois esta é a pergunta fundamental que todo jovem deve se fazer: este estado de vida que escolhi, vai me ajudar a ser santo? Como jovens, somos chamados a viver como o Cristo, a partir dos conselhos evangélicos das bem-aventuranças”.

Foi nossa primeira JDJ, fiquei muito feliz em ver cada jovem lá, cada um que foi para discernir sua vocação e, se interiorizar com Deus. Nossa missão é ‘sermos um’, e creio que nada melhor do que a JDJ, onde unimos todas as expressões de nossa juventude para um único objetivo que é levar o Cristo aos jovens, com seus diversos carismas. Foi a primeira experiência, que por sinal, deu muito certo. E se Deus nos permitir, unidos ao Serviço Vocacional, realizaremos todos os anos a JDJ”, afirmam Luiz Henrique Moraes e Taíne Leme, coordenadores diocesanos do Setor Juventude.

No período da tarde, os participantes permaneceram por uma hora nas salas de workshop que optaram no ato de inscrição. Os workshops aconteceram simultaneamente e os jovens receberam catequeses específicas sobre o estado de vida que escolheram conhecer melhor. Os workshops foram ministrados pelos Missionários do Sagrado Coração (MSC); pelas Irmãs Beneditinas de Tutzing; por leigos consagrados Carmelitas; agentes do Encontro de Casais com Cristo (ECC) e da Pastoral Familiar; por membros da Comunidade Recado e da Aliança de Misericórdia; e também pelo Pe. Marco Antonio.

Logo em seguida, o Santíssimo Sacramento foi exposto pelo neo-Diácono Jean que conduziu o momento para os jovens. Para concluir o encontro, o saxofonista da Canção Nova, Brais Oss, se apresentou para os participantes.

O Setor Juventude e a Pastoral Vocacional estiveram a frente da organização da Jornada, que este ano, englobou o “Despertar Vocacional”.

fotos: William Furtado/Diocese de Itapetininga