Acordo Santa Sé-Igreja coreana: palavra do Papa na língua local

A Arquidiocese de Seul e a Secretaria para a Comunicação da Santa Sé firmaram um acordo de cooperação, com o objetivo de difundir a mensagem do Santo Padre em língua coreana.

O Memorandum de Intenções, assinado em março passado, foi apresentado no dia 2 de junho no Vaticano em um encontro que reuniu o Prefeito da Secretaria para a Comunicação, Monsenhor Dario Viganò, e o Arcebispo de Seul, Cardeal Andrew Yeom Soo-jung.

Pelo acordo, a Arquidiocese de Seul passa a ter a possibilidade de contribuir e supervisionar a redação coreana da Rádio Vaticano.

Neste contexto, o Departamento de Comunicações e Mídia de Seul passa a assumir oficialmente a responsabilidade de traduzir para o coreano – e divulgar na nação asiática – todos os conteúdos fornecidos pela Secretaria para a Comunicação, incluindo os discursos e as atividades do Santo Padre, as atividades de toda a Santa Sé, além de notícias sobre a Igreja em todo o mundo.

Quatro sacerdotes e cinco leigos coreanos serão responsáveis pelo setor, trabalhando na colaboração entre Seul e Roma.

O Diretor do Departamento de Comunicações e Mídia, Padre Mathias Hur, expressou à Agência Fides seu apreço e esperança pelo acordo: “Creio que seja um novo e significativo passo para uma melhor resposta às exigências de evangelização e da comunicação”.

“Após a visita do Santo Padre à Coreia em 2014 – observou – o povo coreano está ainda muito apaixonado e segue atentamente o Papa Francisco. Faremos o melhor que pudermos para oferecer e fazer circular as mensagens do Santo Padre aos católicos coreanos, presentes em todo o mundo”.