Celebração do Domingo de Ramos será por meio de transmissões on-line

No próximo domingo (28), celebramos o Domingo de Ramos, que marca o início de um dos períodos mais importantes para os cristãos: a Semana Santa. Nesta data, Igrejas realizam a tradicional bênção e procissão dos Ramos, lembrando a entrada triunfal de Jesus em Jerusalém.

Tendo em vista as novas restrições, determinadas pelas autoridades de saúde, onde o Estado de São Paulo encontra-se na fase emergencial e que suspende todas as celebrações religiosas com a presença de fiéis, a Missa de Ramos acontecerá de forma on-line em todas as Paróquias de nossa Diocese.

As Missas serão transmitidas ao vivo pelas redes sociais das Paróquias, como o Facebook e Canal do Youtube. Os horários das celebrações variam de acordo com a realidade de cada Paróquia. Procure a Igreja Matriz mais próxima e saiba como participar.

Numa demonstração de fé e em sinal de comunhão com toda Igreja, os fiéis são convidados à decorar suas casas com ramos e celebrar o próximo domingo com muita fé e esperança.

O decreto que coloca o Estado de São Paulo na fase emergencial, está prevista até a próxima terça -feira (30), podendo ser prorrogada. Após novo anúncio do Governo Estadual, divulgaremos como acontecerá as celebrações do Tríduo Pascal. Rezemos pelo fim da pandemia.

 

DOMINGO DE RAMOS

A Missa de Ramos marca a abertura dessa semana que é dedicada em contemplar o sacrifico de Jesus, reconhecendo-o como Salvador. No Domingo de Ramos, se recorda a entrada triunfal de Jesus Cristo em Jerusalém, em que o povo o reconhece como verdadeiro Salvador e Rei. A passagem é contada em quatro evangelhos da bíblia, podendo ser lida em Mateus, Lucas, Marcos e João. Narra-se que ao chegar na cidade, Jesus foi recebido em grande festa e aclamado pela multidão, que erguia ramos de palmeira como um gesto de saudação ao filho de Deus.

Os ramos, que dão nome a essa data, eram uma espécie de presente para Jesus, geralmente dado por pessoas humildes. Enquanto Nosso Senhor atravessava o espaço repleto de fiéis encima de um jumento, todos ali levantavam no ar folhas verdes em clima de festa. Quando Jesus se aproximava, os ramos eram depositados no chão, em verdadeira adoração ao filho de Deus que ali passava.