Diáconos permanentes reorganizam calendário de reuniões

Os Diáconos Permanentes estiveram reunidos no último sábado (13/05) nas dependências do Seminário Diocesano São João Paulo II, em Itapetininga (SP). Atualmente, existem na Diocese de Itapetininga 63 diáconos e, somando-se o total de candidatos a ser ordenados este ano, o número chegará a 107 ao todo. No encontro, explica Pe. Élcio Roberto de Góes – assessor diocesano dos Diáconos Permanentes –, os diáconos fizeram um estudo sobre a Virgem Maria, além dos habituais comunicados.

Pe. Élcio e os diáconos permanentes da diocese

De acordo com Pe. Élcio houve uma alteração na organização das reuniões dos diáconos permanentes que passarão a ser: um mês com todos os diáconos da diocese e no outro, eles se reunirão com a região pastoral. “A próxima reunião será eletiva para coordenador e membros do Conselho dos Diáconos Permanentes a ser realizada no dia 10 de junho no Seminário. Já as reuniões dos dias 12 de agosto e 14 de outubro serão para todos os diáconos da diocese na Casa de Retiros Betânia, às 7h30; nos dias 9 de setembro e 11 de novembro, eles se reunirão com os diáconos de suas respectivas regiões pastorais”, conta.

Entre 30 de junho e 2 de julho, afirma o assessor, todos os diáconos e os que serão ordenados este ano ainda participarão de um retiro espiritual na Chácara São José, em Sorocaba (SP). Segundo o padre, o orientador do retiro será o Frei Carlos Battistone, do Centro Bíblico Regnum Dei, de Ponta Grossa (PR). O encontro iniciará no dia 30 (sexta-feira) às 18h e término previsto as 12h do dia 2. Devido ao grande número de participantes e a limitação do local, as esposas não participarão deste encontro.

Outro assunto importante da pauta foi a aprovação do Estatuto dos Diáconos Permanentes da Diocese de Itapetininga. Conforme Pe. Élcio, “o documento foi redigido e apresentado ao Dom Gorgônio por uma comissão e este o aprovou recentemente”, informa.