Rádio Conexão Católica

PAPA SOBRE DOM PASTORE: “INTELIGÊNCIA E PAIXÃO PELO EVANGELHO”

“Inteligência e paixão a serviço do Evangelho e da Santa Sé. Em particular no campo das comunicações sociais”. Estas são as características que o Papa Francisco destacou na vida de Dom Franco Pastore, falecido na segunda-feira (31) em Roma, aos 88 anos. Dom Pastore prestou serviço à Santa Sé, tendo trabalhado na Rádio Vaticano e após, por muitos anos, foi Secretário do Pontifício Conselho das Comunicações Sociais.

A mensagem do Papa Francisco – assinado pelo Cardeal Secretário de Estado Pietro Parolin – foi lida pelo Secretário Geral da Conferência Episcopal Italiana Dom Nunzio Galdino, na conclusão das Exéquias celebradas na igreja da Casa Assistentes da Ação Católica, em Roma. A missa, que contou com a participação do Presidente da República italiana Sergio Matarella, foi presidida por Dom Claudio Maria Celli, Presidente do dicastério das Comunicações, que em sua homilia recordou diversas vezes o estilo simples e genuíno que caracterizou Dom Pastore nas suas relações e em seu trabalho.

Era “um Bispo que não pontificava nunca” – afirmou Dom Celli – e mesmo após a sua aposentadoria continuava a colaborar com antigos colegas, sempre entrando na sala na ponta dos pés. O Presidente do Pontifício Conselho recordou ainda como o prelado falecido mantinha uma estreita amizade com os seus predecessores na chefia do dicastério, como Dom John Foley e antes ainda, Dom Andrzej Deskur e como, junto a este último, em particular, amigo e conterrâneo de João Paulo II, tenha “guiado e favorecido a presença da Santa Sé do delicadíssimo setor das comunicações”.

O corpo de Dom Pastore, originário de Varallo Sesi, em Província de Novara, foi transferido a Rima – um pequeno lugarejo em um vale da Valsesia, Província de Vercelli – onde será enterrado no jazigo da família.