Paróquia Nossa Senhora das Dores – Sarapuí

Paróquia Nossa Senhora das Dores – Sarapuí | Criação 1844

 

Pároco: Pe. Diogo Fogaça

Vigários: Pe. José Benedito Gomes Neto | Padre Roberto Januário de Moraes

Diáconos: Agenor de Oliveira Silva | João Ferreira de Almeida | João Inoízio Ferreira Maia

Atendente Paroquial: Anderson Jesus Vieira de Campos

Expediente: Segunda à Sexta das 8h às 12h – 13h30 às 17h30 | Sábado das 8h às 12h

 

Comunidades:

01- Abrigo Bom Pastor (Vila São João)
02- Bom Jesus (Bairro Cabaçais)
03- Nossa Senhora Aparecida (Vila Nossa Senhora Aparecida)
04- Nossa Senhora Auxiliadora (Assentamento Carlos Lamarca)
05- Nossa Senhora da Conceição (Bairro Rio Acima)
06- Nossa Senhora das Estrelas (Bairro Congonhas)
07- Nossa Senhora de Fátima (Bairro da Várzea de Baixo)
08- Santa Luzia (Bairro da Várzea de Cima)
09- Santo Antônio (Bairro Faxinal do Rio Acima)
10- São Bento (Bairro do Rodeio)
11- São João Batista (Vila São João)
12- São José (Bairro da Ressaca)
13- São Roque (Distrito do Cocaes)
14- São Paulo Apóstolo (Vila Rica)- Itinerante
15- São João Paulo II (Morada do Sol) – Itinerante

 

Dados e informações

Praça Pe. Vicente Monzilo, 45, Centro | Cep: 18225-000 | Sarapuí/SP

Tel: (15) 3276-1118 |(15) 99851 6627|Email: [email protected]

 

HORÁRIOS DE MISSA

1º Sexta-Feira: 19h30

Todas Quinta  das 14:00 as 17:00  Adoração ao Santíssimo  (Quinta Eucarística)

Sábado: 19h30

Domingo: 10h e 19h

Missa Votiva de Nossa Senhora das Dores – dia 15 de cada mês – 19h30

 

Histórico

No século XIX Sarapuí era pouso para tropeiros que faziam a rota entre Sorocaba e o Rio Grande do Sul. Muitos gostaram destas terras e resolveram aqui fazer sua morada. Foi assim que em 1832 ergueram uma Capela em honra a Nossa Senhora das Dores, num terreno doado pelo Capitão Luiz Vieira.

Em 1844 foi erigida como Paróquia. Podemos dizer que a religião católica e a devoção à Nossa Senhora das Dores é anterior à emancipação político-administrativa do município.

No dia 6 de setembro de 2012 aconteceu a inauguração da praça e fonte da Igreja Nossa Senhora das Dores. Já no ano de 2014 aconteceu a dedicação desta Igreja Matriz presidida pelo bispo diocesano, Dom Gorgônio.

Ela é a sede de 14 comunidades espalhadas por todos os cantos deste Município. Nestas comunidades celebra-se a Santa Missa e a festa anual de seu padroeiro.

Na Matriz a festa da padroeira acontece dia 15 de setembro. Nela ainda são celebradas Missas, casamentos, batizados. Acontecem reuniões, formações, encontros, retiros, orações.

As portas da Igreja estão sempre abertas para aqueles que desejam orar e sentir a presença de Deus.