Notícia Destaque Notícias da Diocese

Paróquia Nossa Senhora das Graças celebra Missa Jubilar na Catedral

Foto: Paulo Jardim Jr/CorvoMotion

Os fieis e paroquianos da Paróquia Nossa Senhora das Graças são convidados nesta sexta-feira (6/03) a se dirigir à Catedral Nossa Senhora dos Prazeres para participar da Missa Jubilar às 19h. A celebração é em preparação ao Jubileu de 250 anos da Padroeira da Diocese, Nossa Senhora dos Prazeres, que se dará em novembro.

Até novembro do ano que vem, todo dia 5 de cada mês uma Paróquia da cidade visitará a Catedral e presidirá a Santa Missa. Os visitantes são convidados a peregrinar até a Catedral e passar pela Porta Santa.

A abertura do Ano Jubilar da Catedral aconteceu no dia 5 de novembro com a celebração da Santa Missa e o lançamento da pedra fundamental da Praça Nossa Senhora dos Prazeres (rotatória próxima ao Ginásio Ayrton Senna).

Confira abaixo, os dias, horários e as Paróquias visitantes que celebrarão as Missas Jubilares (na Catedral):

6/04 (segunda-feira), às 19h, Santuário Nossa Senhora Aparecida do Sul;

5/05 (terça-feira), às 19h, Paróquia Nossa Senhora das Estrelas;

5/06 (sexta-feira), às 19h, Paróquia São João Batista;

6/07 (segunda-feira), às 19h, Paróquia São Paulo Apóstolo;

5/08 (quarta-feira), às 19h, Paróquia Santa Cruz (Distrito da Varginha);

5/09 (sábado), às 19h, Paróquia Nossa Senhora Aparecida (Vila Camarão);

5/10 (segunda-feira), às 19h, Paróquia Nossa Senhora de Fátima;

 

Oração do Jubileu de 250 anos da Catedral
(de autoria de Dom Gorgônio)

“Nossa Senhora dos Prazeres, no ano da graça de 2020, celebramos o Jubileu dos 250 anos da fundação de Itapetininga e também 250 anos de evangelização de seu povo, colocado desde o início sob a Vossa proteção com a criação e instalação da Paróquia que vos é dedicada. Graças a inspiração e à devoção dos primeiros habitantes desta terra, hoje toda a Diocese de Itapetininga vos tem como Padroeira, Mãe e Mestra, para que a vosso exemplo possamos acolher Jesus e segui-Lo no caminho do Amor e da Salvação. O povo itapetiningano sempre contou com vossa proteção maternal e soube cultivar, através dos tempos, uma reconhecida devoção mariana, um carinho filial à Mãe de Jesus, que acolheu de seu Filho Amado, junto à Cruz, a missão de ser também nossa Mãe. Ajudai-nos Mãe querida a sermos discípulos missionários de Jesus Cristo, para que n’Ele nossos povos tenham Vida. Que a celebração deste Jubileu nos faça mais fraternos e promotores da paz. Que possamos formar Comunidades Eclesiais Missionárias, amorosas, acolhedoras, servidoras, misericordiosas, alicerçadas na Palavra, na Eucaristia, na Caridade e comprometidas na Missão. Nossa Senhora dos Prazeres olhai por nosso povo, principalmente, por aqueles que enfrentam o sofrimento nas doenças e nas limitações da caminhada, os desempregados e necessitados de solidariedade, bem como todos os que carecem de conversão e misericórdia; e também os que estão subjugados nos descaminhos do mal. Implorai junto à Santíssima Trindade, copiosas graças e bênçãos sobre todos nós e nossas famílias. Amém!”

PALAVRA DO BISPO

Dom Gorgônio Alves da Encarnação Neto

FACEBOOK