Rádio Conexão Católica

Projeto Mãos à obra” construindo sonhos, resgatando corações

A solidariedade é um ato de compaixão,  de olhar para o outro com mais generosidade e menos julgamento, ter a chance de perceber os próprios valores e refletir sobre o verdadeiro significado do  “fazer o bem“.

Pensando nisso, a Fundação Divina Providência de Itapetininga, através do projeto “Mãos à obra”  , há mais de 20 anos vem ajudando e trazendo um novo sentido à vida de tantas pessoas que necessitam de um apoio, de uma palavra de conforto e um abrigo.

O projeto teve início no final de 2011, onde havia um grupo de pessoas que visitavam as famílias carentes da cidade para conversar e levar uma palavra de conforto através dos ensinamentos de Deus com o objetivo de resgatar a auto-estima dessas famílias.

Durante as visitas, o grupo de voluntários observou que nesses lares havia muita miséria, onde crianças passavam fome, geladeiras vazias e muitas histórias tristes.

Deparando com essas realidades difíceis, a tomada de consciência foi urgente, onde começaram a pensar em algo para auxiliar e resgatar essas famílias. Foi quando surgiu o projeto “mãos à obra”.

Essa frente social virou uma realidade através de um contato de uma professora que relatou que uma criança passava por necessidade e que morava com mais seis irmãos, em situação precária, sem água, sem luz num barraco e então essa foi à primeira família onde o grupo teve a ousadia de construir uma casa.

“Não tínhamos nada, fomos a missa e começamos a pedir doações de janelas, portas enfim… e aos poucos com ajuda de outras pessoas que abraçaram a causa começamos a dar vida para o nosso projeto”. Comenta Dr. Maria Inês.

Maria Inês também recorda das primeiras casas construídas, quer eram de tijolos, com instalação de água, esgoto e luz “A moradia digna é motivo de uma mudança extremamente significativa na família, ela repercute na auto-estima, se veste diferente, muda a forma de pensar, e cria uma nova perspectiva de vida no âmbito familiar”. Ressalta.

O Projeto mãos á obra, desde sua criação, entre construções e reformas já entregou às famílias cerca de 150 casas. Só neste ano de 2022 foram oito famílias beneficiadas.

Eu só tenho a agradecer e louvar a Deus e pedir a ele as bênçãos sobre cada um e que ele supra a necessidade de todas as pessoas que colaboram com esse lindo projeto”. comenta Dona Maria José que ganhou a casa em 2015.

Além das construções e reformas, o projeto também auxilia as famílias com a distribuição de cestas básicas, produtos de higiene pessoal e  formação de espiritualidade.

Para manter o projeto ativo, a Fundação tem o apoio dos padres da cidade de Itapetininga, que fazem suas doações mensalmente, e também de alguns contribuintes mensais e colaboradores que  doam cimentos e tijolos. Muita ajuda também vem de pessoas que reformam suas casas e que doam portas e janelas em bom estado. Existem algumas ONG’S que também apoiam e colaboram com esse propósito.

Para a Dra. Maria Inês , uma ajuda interessante seria as pessoas deixarem “em haver” materiais de construção em qualquer uma das lojas, assim o projeto vai retirando conforme as necessidades das obras.

Louvamos a Deus pela solidariedade de todos que contribuem com a entidade. Pedimos as bênçãos sobre todos que doam e se doam para manter esta obra viva, para que mais pessoas possam ser beneficiadas e ter uma qualidade de vida melhor.

Seja um colaborador deste projeto: A Fundação Divina Providência está localizada na Rua José de Freitas, 292, Vila Piedade – Itapetininga/SP. Outras informações pelo telefone (15) 3271-8555 ou pelo email [email protected]