Notícia Destaque Notícias da Diocese

Renovação Carismática Católica convida para Seminário de Vida no Espírito Santo

A Paróquia Nossa Senhora de Fátima foi um dos locais que sediaram a 1ª edição do Seminário (foto: RCC Itapetininga)

A Renovação Carismática Católica de Itapetininga inicia na próxima quarta-feira (24/07) a segunda edição do Seminário de Vida no Espírito Santo (SVES). O seminário tem duração de nove semanas consecutivas e será realizado todas quartas-feiras, das 20h às 22h, na Paróquia São Roque, na Vila Rio Branco, em Itapetininga (SP). O último encontro será no dia 18 de setembro.

São convidados todos aqueles que nunca participaram de um Grupo de Oração (G.O.), bem como, os que já participam e tem desejo de conhecer mais sobre o Espírito Santo. Os interessados devem procurar o coordenador de um Grupo de Oração da Paróquia mais próxima e preencher uma ficha de cadastro.

Conforme Rodinei Pereira, coordenador da RCC de Itapetininga, “é importante o preenchimento da ficha para que possamos acompanhar essas pessoas ao longo do seminário”. A ficha deve ser entregue até o dia 20 de julho (sábado). A entrada é franca.

O que é o Seminário?

De acordo com o site da Renovação Carismática Católica do Brasil, “o Seminário de Vida no Espírito Santo tem o propósito de anunciar, de forma nova e compreensível, a mensagem básica do Evangelho, levando as pessoas a experimentarem a obra que o Espírito Santo tem para realizar na vida de cada um. Por meio do anúncio querigmático, o Seminário é uma oportunidade para as pessoas vivenciarem o amor de Deus Pai, o encontro pessoal com Jesus Cristo, à efusão do Espírito Santo e a vivência fraterna”.

O SVES em Itapetininga

A primeira edição do Seminário de Vida no Espírito Santo aconteceu nos meses de fevereiro e março deste ano. Foi a primeira vez que o SVES aconteceu fora do dia dos grupos de oração, conta Rodinei. “Nós reestruturamos a realização do Seminário para nos adequar ao que nos orienta a RCC do Brasil e do estado de São Paulo”, explica. Ao todo, em torno de 400 pessoas participaram do SVES neste novo formato na cidade.

O coordenador conta ainda que, diante do desafio de implantar o seminário para todos os grupos de oração e de reunir servos (como são chamados os membros do movimento) suficientes para realizar os encontros, “foi necessário dividir a cidade em seis setores, agrupando até nove grupos de oração”.

Dessa forma, na primeira edição, recorda Rodinei, o SVES aconteceu em Itapetininga em seis locais diferentes, espalhados pela cidade, com nove encontros simultâneos.

PALAVRA DO BISPO

Dom Gorgônio Alves da Encarnação Neto

FACEBOOK