Renovação Carismática: celebrar com o Papa os 50 anos

Roma recebeu nestes últimos dias milhares de peregrinos de todo o mundo, membros da Renovação Carismática Católica com grande presença na América Latina, para celebrar os seus 50 anos de fundação.

Todos participarão da vigília de oração às 18h (hora local), que será presidida pelo Papa Francisco no ‘Circo Massimo’, neste sábado (3/06).

Mensagem na Audiência Geral

Na Audiência Geral da última quarta-feira, o Santo Padre saudou em espanhol os membros deste movimento. “Saúdo cordialmente os peregrinos de língua espanhola, especialmente aqueles que vieram participar na Vigília de Pentecostes por ocasião dos 50 anos da Renovação Carismática Católica, assim como os outros grupos da Espanha e da América Latina”. “Exorto – continuou – que perseverem na oração com Maria, nossa Mãe, pedindo a Jesus que o dom do Espírito Santo nos ajude a nos encher de esperança”.

As vozes da Praça São Pedro

Após a Audiência, alguns peregrinos conversaram com o Grupo ACI sobre a importância deste evento. Blanca, do Equador, recorda que “o Espírito Santo é a terceira pessoa da Santíssima Trindade” e “é o fogo, a alegria, a vida da Igreja”. “Portanto, aqueles que pertencem à Renovação Carismática estamos aqui hoje, temos a alegria de viver esta presença permanente. É um convite a toda a Igreja, embora, infelizmente, muitos não o conheçam”, acrescentou.

“O Espírito Santo é portador de muitos dons e carismas, vamos pedir que se derrame em nossas vidas e nos dê seus dons. Pentecostes é o dia da Igreja e na Renovação Carismática queremos renovar um Pentecostes permanente, que nos ajude a continuar evangelizando”, explicou o equatoriano Luis Fernando.

Alfonsina Espinosa, do mesmo grupo de peregrinos, assegura que o Espírito Santo “é o motor, é a vida. Quero pedir que me conceda todos os seus dons e também a toda a humanidade, porque assim o mundo será transformado”.

Da Costa Rica, também chegou um grupo numeroso. Carlos Solano acredita que “a vinda do Espírito Santo é muito importante, porque vamos nos renovar com essa força e unção do amor do Pai, do Filho”. “Estamos felizes por este evento da Renovação, porque vêm pessoas do mundo inteiro para louvar e glorificar o Rei dos Reis”, ressaltou.