Notícia Destaque Notícias da Diocese

Retiro anual: Padre Carlo aprofunda a pessoa e importância do ministério diaconal

No último final de semana (28 à 30/06), os Diáconos de nossa Diocese estiveram em Retiro anual no Seminário Santo Antônio, na cidade de São Pedro (SP). Participaram 75 Diáconos permanentes da Diocese. Os demais justificaram a ausência por grave motivo profissional, de saúde ou idade avançada, e alguns, em virtude de enfermidade em pessoa da família.

O Retiro teve início na última sexta-feira (28), solenidade do Sagrado Coração de Jesus, e nosso Bispo Diocesano presidiu a Eucaristia. Ele permaneceu no retiro até sábado de manhã. Pelo terceiro ano consecutivo, o pregador do retiro foi o Pe. Carlo Maria Battistoni, do Centro Bíblico Regnum Dei, no Paraná. Aprofundando mais a cada ano o ministério diaconal, a pessoa e a importância do Diácono, ele discorreu sobre as dimensões do chamado, da consagração e da missão do Diácono na Igreja e no mundo.

A partir da graça do olhar e da escolha gratuita por Deus para sermos cristãos e também servidores, os Diáconos respondem com gratidão ao chamado que o Senhor faz, para se tornarem imagem de Deus, para representar, mostrar e imprimir na própria vida o que Deus é.

Ao discorrer sobre os fundamentos bíblicos e teológicos da unção e da consagração, o sacerdote recordou aos diáconos sobre a importância do seu ministério, que deve ser vivido na intimidade com o Senhor, através da oração e da Palavra de Deus. A partir das reflexões propostas, os Diáconos fizeram um longo momento de reflexão individual e de oração, para redescobrir o primeiro amor e a renovar a alegria de servir.

Padre Carlo, passando brevemente pelos aspectos da evangelização e da pastoral, aprofundou a dimensão missionária do Diácono e da Igreja, salientando que Jesus entregou o depósito da fé e a sua experiência pessoal aos apóstolos e, através deles, seus sucessores e colaboradores, essa experiência vital para a vida de toda pessoa humana deve ser transmitida e comunicada a todas as pessoas. Nos tempos atuais, em que aumenta a busca por uma fé pessoal, intimista e distante da Comunidade, ressaltou a importância da vida em comum, lugar da verdadeira experiência com o Cristo, e, que o desejo de comunicar aos outros a alegria de ter encontrado o Senhor, e que enche o nosso coração de alegria, fundamenta a missionariedade da Igreja.

O Retiro, que transcorreu num clima de profunda alegria e fraternidade diaconal, foi encerrado com a celebração da Eucaristia, por ocasião da solenidade de São Pedro e São Paulo.

texto e fotos: Comissão dos Diáconos Permanentes

PALAVRA DO BISPO

Dom Gorgônio Alves da Encarnação Neto

FACEBOOK